Blog

Startup lança refrigerante de algas com vitamina C e vários nutrientes na Holanda

Por: Adriano Dias
05/03/2022 – 10h42

Produto busca acelerar a mudança global para emissões líquidas zero.(Foto reprodução Internet)

 

Nesta temporada de calor que o Brasil está encarando, muitas pessoas recorrem ao refrigerante com o intuito de dar um refresco no corpo. No entanto, esse frescor pode acarretar em uma série de problemas sanitários. Os nutricionistas afirmam que, por ser rico em açúcar, o consumo frequente de refrigerante favorece o ganho de peso e o desenvolvimento de diabetes, problemas que também estão relacionados ao aumento do risco de câncer.
Porém, a invenção divulgada esta semana pelos sites “Bright Vibes” e “Só Notícia Boa” pode fazer os amantes do famoso “refri” consumir o produto com um toque, digamos, saudável.

Uma startup da Holanda elaborou um refrigerante borbulhante azul brilhante feito à base de algas que contém vitamina C e cálcio. A empresa usa uma alga chamada spirulina para dar ao produto líquido um impulso nutricional, bem como sua tonalidade azul-esverdeada. A marca quer usar o produto para chamar a atenção para as algas como um ingrediente viável para ajudar a reduzir a pegada de carbono do sistema alimentar.

Do encontro dos fundadores até a produção

Para a publicação, os fundadores da startup afirmaram que se conheceram ainda quando eram apenas estudantes e passaram meses explorando maneiras de acelerar a mudança global para emissões líquidas zero antes de se decidirem pela spirulina de microalga azul-esverdeada.

“O que acho que chamou nossa atenção foi a eficiência de transformar CO₂ em nutrientes e oxigênio”, diz Julia Streuli, uma das três co-fundadoras da empresa  para o Bright Vibes.

O sabor e o cheiro pareciam pouco atraentes para tentar transformá-lo em algo comestível, mas eles conseguiram. Antes de concluir a formação acadêmica, os fundadores ganharam um concurso de planos de negócios por seu conceito de uma nova marca à base de spirulina.

“Basicamente, isso nos deu dinheiro suficiente para justificar a recusa de nossos empregos corporativos”, diz Streuli para o site.

A equipe se mudou para a Holanda para começar a trabalhar com cientistas de alimentos para lidar com os desafios que viam impossibilitando a comercialização do ingrediente. Eles desenvolveram uma nova maneira patenteada de processar as algas para extrair as partes mais saborosas e, com isso, se tornar um refringente sustentável e saboroso.

Spirulina: o que é isso?

Com certeza, você deve estar se perguntando “O que é esse tal de spirulina?”. Pois bem, este produto, de acordo com os especialistas, é uma microalga que pode ser usada como suplemento alimentar, pois possui uma grande fonte de proteínas, minerais, vitaminas do complexo B, ferro e antioxidantes, como a ficocianina e o ácido gálico. Entre os benefícios deste produto para a saúde, destacam-se a prevenção de doenças do coração, como infarto, aterosclerose e derrame. Além disso, a microalga também pode auxiliar no tratamento da diabetes, da rinite alérgica e no ganho de massa muscular.

A spirulina é um superalimento comercializado na forma desidratada em comprimidos, cápsulas ou em pó e pode ser encontrado em lojas de produtos naturais e suplementos.

Veja também: Anvisa aprova primeira terapia gênica contra o Câncer de sangue no Brasil

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela