Blog

Engenheiro ganha sorteio e será o 2º brasileiro a ir ao espaço

Por: Lohrrany Alvim
13/05/2022 – 08h45

Victor Hespanha foi um dos selecionados para participar da quinta missão da Blue Origin a levar seres humanos ao espaço.(Foto reprodução Internet)

 

Um morador de Belo Horizonte será o segundo brasileiro no espaço sideral. O engenheiro de produção Victor Hespanha, de 28 anos, vai vivenciar uma experiência de turismo espacial com a empresa Blue Origin. A vaga para ser um dos seis tripulantes presentes na missão NS-21 veio após o brasileiro ser sorteado pela Crypto Space Agency (CSA), após comprar um NFT na empresa com criptomoedas.

Além de ser o brasileiro que vai estrear no turismo espacial, ele será o segundo a estar no espaço. Antes dele, apenas o astronauta profissional Marcos Pontes esteve fora da Terra, quando foi à Estação Espacial Internacional (ISS) em 2006.

Acento concorrido

Para conquistar uma vaga na viagem, ainda sem data para ocorrer, o engenheiro investiu cerca de R$ 4 mil em NFT. A compra deu direito a participar do sorteio da CSA para ser um dos seis participantes da viagem promovida pela Blue Origin.

“Estou ansioso para realizar este sonho de infância, vai ser um marco na minha vida. Parece que estou vivendo em um filme, a ficha não caiu”, declara o brasileiro.

Ao saber que foi sorteado, Victor Hespanha disse ao portal de notícias G1 que ficou assustado por vivenciar algo que antes pensava ser possível apenas a “bilionários”. De acordo com o engenheiro, a viagem terá 11 minutos de duração, nos quais cinco serão em gravidade zero. Trata-se de uma viagem denominada suborbital, ou seja, a nave não entra em órbita, mas alcança a borda do espaço.

“Quando meus pais souberam ficaram incrédulos, meus amigos também. Minha mãe chorou achando que eu ia morrer, depois achou que eu ia para a lua, mas expliquei para ela que não era nada disso e rimos. Todos ficaram felizes pela oportunidade que vou ter”, conta o engenheiro.

A Blue Origin foi fundada pelo bilionário Jeff Bezos e já levou 20 pessoas para desfrutar do turismo espacial. O primeiro voo tripulado foi estreado pelo próprio Jeff, em julho de 2021, junto a mais três pessoas.

NFTs

Para quem não sabe, NFT é um ativo não fungível, ou seja, único, diferente do ativo fungível, que pode ser substituído por outro item da mesma espécie sem perda ou ganho para quem detém a propriedade. Uma nota de R$ 100, por exemplo, pode ser substituída por outra de igual valor, sem prejuízos. Já a arte é um exemplo de ativo não fungível, pois seu preço é altamente subjetivo.

A diferença, quando comparamos o NFT com uma obra de arte não digital, é que muitas dessas obras podem ser cópias, e não exemplares únicos. A unicidade é também o que diferencia o NFT do bitcoin e de outras moedas digitais.

Veja também: Pesquisadores brasileiros criam gel capaz de substituir gordura saturada em pães e sorvetes

> Voltar

© Copyright 2018 - Rádio Rio de Janeiro

Tsuru Agência Digital
Desenvolvido pela